sexta-feira, 31 de julho de 2009

POETISA CYNTIA MENEZES ESTREIA NO SARAU ESTAÇÃO DA LIRA

Um encontro de almas - assim podemos definir. Mais um sarau poético promovido pela SPVA.
Partilhar poesias é partilhar sentimentos de: saudades, amor, tristezas e alegrias. Nesse sentido foram declamadas poesias, cantadas músicas e sentidos a emoção do momento.
Partilhar a saudade de quem se foi... nosso homenageado Professor Hilton Gouveia, sentimos um pouco do que ele foi. Cada poesia sua, lida pelos poetas presentes, faziam-no reviver nas linhas que deixou registrada. É certo o poeta não morre!
E essa é uma das razões que nos reunimos para celebrar a vida, mesmo algumas não mais estejam em nosso convívio.

O poema de Cyntia diz bem...
MARCAS DO TEMPO
O TEMPO PASSA
E COMO PASSA DEPRESSA!
AINDA ONTEM ERA CRIANÇA
AINDA ONTEM EU BRINCAVA DE BONECA...
O TEMPO PASSOU
E EU NEM AO MENOS PERCEBI
EXCETO PELAS MARCAS QUE DEIXOU EM MIM.
MARCAS EM MINHAS MÃOS QUE COMEÇAM A ENRUGAR
MARCAS EM MINHA FACE,
EM MEU COLO,
EM MEU OLHAR DISTANTE,
QUE BUSCA NO PASSADO UMA MANEIRA DE RECOMEÇAR.
RECOMEÇAR PRA QUÊ?
RECOMEÇAR POR QUE SE AS MARCAS QUE TENHO EM MIM(ATE MESMO
AS QUE ESTÃO VISIVEIS - EXCETO AOS OLHARES DOS POETAS)
SÃO MARCAS DE QUEM VIVEU,
DE QUEM AMOU,
DE QUEM SOFREU,
DE QUEM CHOROU.
DE QUEM APRENDEU QUE O RECOMEÇO ACOMPANHA O TEMPO,
CADA SEGUNDO,
CADA MINUTO,
CADA QUARTO DE HORA DESSE IMPLACÁVEL E TIRANO DA VIDA ALHEIA.
O TEMPO PASSARÁ
E QUANDO ME POR PASSAR POR COMPLETO ELE CONTINUARÁ A SUA EXISTÊNCIA
AMARGA, CRUEL,
E AINDA ASSIM NECESSARIA PARA A RODA DA VIDA.
ENTÃO IMAGINO UMA MANEIRA DE PERPETUAR
MAS NÃO CONSIGO EM NADA PENSAR
POR QUE NÃO PARO DE OLHAR PARA AS MARCAS DO TEMPO EM MIM
E ELAS SÃO LINDAS! TÃO LINDAS!
A ESTAS DEI BOAS VINDAS
E JÁ NÃO QUERMAIS DELAS ME DESFAZER.
Bem vinda poeta. A SPVA te recebe de braços abertos.