segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

AS MENSAGENS POÉTICAS DO ADEMAR MACEDO

<<<>>>

Vamos cantar o Natal,

partilhando com o irmão

o nosso amor fraternal,

na ceia... do coração!

(Maria da Conceição Fagundes/PR)

<<<>>>

No Natal eu não confundo

o Cristo em sua missão,

braços erguidos p’ra o mundo

Oferecendo o perdão.

(Prof. Maia/RN)

<<<>>>

2002 > Garibaldi/RS

Tema > Natal > M/H

Vencendo o tempo e a distância

num clima de eternidade,

os Natais de minha infância

permanecem na saudade.

(Ivo dos Santos Castro/RJ)

<<<>>>

Que a festa da Cristandade,

– Na confraternização,

transmita a fraternidade

em cada aperto de mão!

(Ademar Macedo/RN)

...E Suas Trovas Ficaram:

O Natal dos sonhos meus

de esperança renovada

é tão repleto de Deus

que eu não preciso de nada!

(Adelir Machado/RJ)

<<<>>>

Eu só vou ter alegria

nessa festa de Natal,

havendo a paz mundial

em cada raiar do dia;

peço pela primazia

reforçando o meu pedido,

pra que ele seja atendido

vamos todos dar as mãos,

na ceia dos meus irmãos,

quero cristo renascido.

(Marcos Medeiros/RN)

<<<>>>

NATAL FELIZ.

Amilton Maciel/SP

O Dia de Natal em casa de meus pais,

No tempo em que ainda eu era pequenino,

Não tinha luxo algum, mas sempre era divino,

De tanto amor, igual....ao que não vi jamais!

Na sala, em um presépio, tinha o Deus-Menino

Cercado de José, Maria e, ainda mais,

O burro e a vaquinha, meigos animais,

Que então deram calor ao palco natalino...

Ao lado da pequena e humilde estrebaria,

A luz da velha lamparina cintilava,

Tal qual meu coração e os dos meus dez irmãos!

E ali, após as orações, papai dizia

Feliz Natal! E com amor mamãe nos dava

As guloseimas feitas pelas suas mãos!