sexta-feira, 31 de agosto de 2012

AS MENSAGENS POÉTICAS DE ADEMAR MACEDO - SANTANA DOS MATO/RN

 
<<< Uma Trova de Ademar >>>
Toda dor deixa sequela,
mas devido eu sofrer tanto,
minha dor só se revela
na angústia triste do pranto.
Ademar Macedo/RN
 
<<< Uma Trova Nacional >>>
Nas noites claras de lua,
no desenho da calçada,
vejo a silhueta sua
à minha sombra abraçada.
Olympio Coutinho/MG
 
<<< Uma Trova Potiguar >>>
A lua cheia de agosto
é de uma beleza infinda...
nos olhos de um lindo rosto
é duas vezes mais linda.
Djalma Mota/RN
 
<<< Uma Trova Premiada >>>
2006 > CTS/Caicó/RN
Tema > PONTE > 6º Lugar.
No seco botão da rosa
que me deste em tenra idade,
vejo a ponte afetuosa
que me conduz à saudade.
Renato Alves/RJ
 
<<< ...E Suas Trovas Ficaram >>>
Presença é luz, sol que arde,
no firmamento incendido.
Saudade é sombra da tarde,
pungente como um gemido.
Pe. Celso de Carvalho/MG
 
<<<  U m a    P o e s i a  >>>
Casinha à beira da estrada
com chão de terra batida,
fiz do teu portão de entrada
o meu portão de saída,
parti morto de saudade
tangendo os sonhos da idade
pelas estradas da vida!
Prof. Garcia/RN
 
<<< Soneto do Dia >>>
    CONTRADIÇÃO.

                           –Maria Nascimento/RJ

Hoje, mais uma vez, desesperada
por ser injustamente preterida,
vejo que já nasci predestinada
a amar sem nunca ser correspondida...
 
Mas o que me dói mais, na despedida,
é saber que fui sempre desprezada
porque foste o anjo bom da minha vida
e eu, da tua, jamais pude ser nada.
 
Se me pudesse ver da eternidade,
chorando de tristeza e de saudade
pelo amor que no tempo se perdeu,
 
Carlos Drummond de Andrade me diria:
"E agora", como vais viver Maria
sem o José que achavas que era teu?!