quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

PROFESSOR TEMPORÁRIO DA E.E. CLARA TETEO EM MACAU COMETE SUICÍDIO


macau


O professor de Física, Fernando Emanoel Vasques Leonez, 54 anos, da cidade de Macau, cometeu suicídio na tarde desta segunda-feira (30/12). De acordo com as informações, o atraso do pagamento salarial teria motivado a ação.
Fernando, que era muito querido na cidade, cometeu suicídio enforcando-se dentro de uma sala de aula na Escola Estadual Clara Teteo, unidade educacional onde ensinava.
Ao lado do corpo de Fernando, estava um óculos de sombra, um celular e uma carta, na qual, confirmava o suicídio como forma de manifestação. Na carta, havia a seguinte frase: “Ato de protesto contra o governo do estado, falta de pagamento”.
A polícia civil esteve no local realizando os procedimentos cabíveis. O Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP) removeu o corpo para a sede do órgão.
Informações do Macau em Fotos.

Nota da Secretaria Estadual de Educação

A Secretaria de Estado da Educação vem a público prestar esclarecimentos sobre o suicídio do professor Fernando Manoel Vasques Leonez, 54, que ocorreu na tarde desta segunda-feira (30), no município de Macau.
Tem circulado nas redes sociais a notícia de que Fernando Manoel teria escrito bilhete dizendo que estaria cometendo suicídio por não ter recebido o salário. Sobre essas informações, a SEEC esclarece:
01. Fernando Manoel Vasques Leonez não é professor efetivo do Estado e estava ministrando projeto de reposição de aulas na Escola Estadual Clara Teteo, em Macau.
02. O pagamento pelas atividades exercidas por ele sempre foi feito dentro do mês trabalhado, incluindo o valor referente a dezembro, pago ainda na semana passada. O recibo assinado pelo professor declarando o recebimento do pagamento de dezembro está em posse da 6ª Diretoria Regional de Educação, de Macau.
03. Familiares declararam à 6ª DIRED que o professor enfrentava problemas pessoais, mas os reais motivos ainda serão investigados pelas autoridades competentes.
A Secretaria de Estado da Educação solidariza-se com a família e os amigos de Fernando Manoel e lamenta que um fato tão lastimável seja utilizado de forma política para atingir a imagem da secretaria.
Natal, 30 de dezembro de 2013
Secretaria de Estado da Educação

fonte: macau em fotos