terça-feira, 23 de setembro de 2014

A EXPRESSÃO POÉTICA DO ESCRITOR CIRO JOSÉ TAVARES - BRASILIA/DF



POR TODA NOITE
          Ciro José Tavares.
Falamos longamente de nós dois toda uma noite.
Apenas assistidos pela quieta escuridão lá fora
e a lâmpada no teto inflectindo pálida claridade nas paredes.
Se contarmos tudo ou quase tudo amanhã dirão nossas lembranças.
Mas foi bom porque finalmente descobrimos nossos âmagos.
Conheci teu pragmatismo radical que fez doer e sepultar meus devaneios.
Não cogitamos do futuro porque esse estava ali impossível entre nós dois.
Do passado vi brotar lágrimas pelos sentimentais equívocos repetidos,
 Loucuras praticadas que envergonham e são inapagáveis na memória.
Quando no vento veio o primeiro sopro da manhã tudo estava terminado.
Havia um toque de saudade quando um ao outro prometemos esquecer,
guardar como segredo as longas confissões feitas  toda uma noite.
Se falamos tudo ou quase tudo o tempo revelará no mistério das lembranças.