domingo, 7 de setembro de 2014

RELIGIÃO OU FÉ





                Algumas pessoas, ao invés de discutir, o que as religiões têm ou deixam de ter. O que religião faz ou deixa de fazer, os dogmas de “a” ou os dogmas de “b”, poderiam refletir e, se apropriarem do sentimento pregado por Cristo, que e o sentimento de união, amizade, amor ao próximo, compreensão, não tem sentimento melhor do que respeitar o outro.
               Lamentável mesmo, quando se vê a discriminação e a falta de conhecimento de alguns, que se autodenominam ou, que se dizem cristão. Alguns chegam mesmo se tornarem ridículos com tanto fingimento e fanatismo, pois mesmo partilhando uma vida na igreja vive todo tempo julgando, difamando, ironizando as crenças de outrem.
              Os registros da história ensina que, as religiões são definidas como: cristianismo, budismo, islamismo etc. aqui no ocidente o cristianismo é bem dividido, as pessoas que fazem parte do cristianismo se dividem e apregoam aos quatro cantos que o catolicismo, protestantismo e evangélicos, são religiões.
            Embora tenham dogmas diferentes, esses professam o mesmo Cristo, o mesmo Deus de Israel, creem na trindade, então por que tanto critica e tanta raiva entre si? Por que tanta troca de heresias? Ate quando meu Deus esse povo vai entender que a religião mata e que Cristo salva e que o mesmo não veio trazer discórdia e sim paz.
            Algumas pessoas por falta de conhecimento cometem essa falta de respeito, e ainda se acham no direito de, mesmo usando o nome de cristo, viverem pregando, a competitividade religiosa, apontando o dedo, esquecidos do que Jesus disse: atire a primeira pedra quem não tiver pecado... No mínimo a palavra de ordem deveria ser respeito, respeito pelo o outro, pelo próximo e por que não, todos os seres humanos.
          Assim prezados, Professemos a nossa fé, nos contentando em viver em paz dentro da religião que escolhemos e, sem viver apontando o dedo para ninguém. Um conselho para aqueles que se dizem cristão, mas vive se enganando e se iludindo, por achar que só em está dentro de uma igreja já esta salvo e santo, assim sendo vive julgando quem assim não o faz. Deixe de incitar a competitividade, simplesmente faça a sua parte e deixe que Cristo o Senhor de todos que o professa faça o seu julgamento.
           Assim invés de ficar provocando a discussão entre a religião, se aproprie do conhecimento cientifico e bíblico, estude e tenha seu próprio conhecimento, avalie e reavalie a postura que deverá ter um cristão verdadeiro, e seja feliz respeitando o sentimento, pensamento e ação do seu próximo.