quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

SEEC E MINISTÉRIO PÚBLICO COMEMORAM SUCESSO DA CAMPANHA CONTE ATÉ 19 NO RN.




  Trabalhar para acabar com a triste realidade, a violência que chega ao RN, trazendo dados alarmantes. Os noticiários que alardeia o que ninguém deseja para sua família, violência!
           Pensando em reparar essa realidade, que embora ainda não esteja em nossas escolas, a Secretaria de Estado da Educação e da Cultura do Rio Grande do Norte uniu-se, por meio do seu Núcleo de Educação para a Paz e Direitos Humanos – NEEPDH e Subcoordenadoria de Ensino Médio – SUEM, a Promotoria de Justiça do Estado, na promoção da Campanha Conte até 10, cujo objetivo, coibir prevenir a violência nas escolas da sua rede.
            Nesse sentido, hoje estiveram reunidas no Complexo Cultural da Zona Norte, celebrando a Paz, a vida, mostrando o que os nossos jovens aprenderam sobre as temáticas trabalhadas nas escolas, durante o ano letivo de 2014. 
Betânia Ramalho, Iveluska, Vicencia e Maria José.
            Foi o ápice da Campanha, e a festa foi bonita e recheada de atividades, que os nossos Professores e Estudantes da escola pública tão bem sabem fazer. Foi momentos de puro deleite com poesias, cantos, releituras sobre bullingy, drogas e a mensagem principal, a PAZ NAS ESCOLAS, mensagens passadas por meio de peças teatrais.
           Presentes ao evento estavam as seguintes autoridades: Gestores, Professores e Coordenadores Pedagógicos das escolas envolvidas na Campanha, a Secretária de Educação, Profa. Doutora Betânia Ramalho, Promotora Iveluska Xavier, Profa. Doutora Aliete Bormann, Subcoordenadora de Ensino Médio, Profa. Espec. Maria José, Diretoria da 1ª DIREC e a Profa. Espec. Vicência Santos, Diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação – SINTE e os Técnicos Pedagógicos NEEPDH E SUEM.
         As escolas presentes ao evento foram: Instituto Padre Miguelinho, E.E. Winston Churchill, E.E. Anisio Teixeira, E.E. Berilo Wanderley, E.E. Miriam Coely, E.E. José Fernandes Machado, E.E. Jean Mermoz, E.E. Luís Antônio, Francisco Ivo Cavalcante, todas com um trabalho de excelência.