sexta-feira, 15 de outubro de 2010

A NOITE DA ESCRITORA E POETISA FLAUZINEIDE NO CANTO DO MANGUE

FLAUZINEIDE com o poema "És meu Cantar"
que ficou fixado na Praça da Cultura no Canto o Mangue
nas Rocas, por ocasião da homenagem dedicada a ela
pela equipe organizadora que vem valorizando
e divulgando a literatura potiguar.

A noite de Sàbado (09.10.2010), no Canto do Mangue, foi toda de FLAUZINEIDE MOURA MACHADO.
a escritora recebeu a homenagem como poetisa e lançou seu livro de literatura infantil que deixou a todos encantados. Veja algumas ilustres presenças no mega evento que imortalizou a poesia de FLAUZINHA.

A Banda "Tayo da Gata" animou a noite poética

Normando acompanhou sua musa, escritora e poetisa: Ester Morais

Esterzinha poetisou para Flauzinha

Gilda Moura emocionou a todos
com a homenagem "in memorian" para D. Francisca,
dona da Peixada da Comadre.

Poeta Jania Souza também homenageou Flauzineide

O músico-cordelista JOSÉ ACACI
de Caxambú para o Canto do Mangue

Jesuina Wanderley cantou lindas serenatas de amor

Poeta, escritor e editor JAÉCIO CARLOS
apresentou a homenageada

Vivi e Flauzinha entregam rosas ao aniversariante da noite:
Sr. Mário.

Incentivadores da leitura do RN,
o casal Dr. Hélio e Dra. Cláudia Santa Rosa,
viajaram no "Aviãozinho de Papel" de Flauzineide.

As mediadoras ALZENIR E ARILDA
também embarcaram nesta leitura
e trouxeram a leitora da da Escola E. Alfredo Pegado,
do Bairro Mãe Luiza.

Flauzineide e a Dra. Cláudia Santa Rosa
compartilham o "Viajem ao Céu..."

Prof. Alzenir (a mentora), Flauzineide e Vivi Viana,
traçaram metas para enriquecer cada vez mais
as ações da Praça da Cultura,
desta vez, com a participação dos alunos da zona Leste.

Vivi Viana homenageia Flauzineide
e ambas homenageiam o Sr. Mário
da Banda Tayo da Gata
pelos seus 84 anos.

A poeta, escritora e acadêmica GILDA MOURA
faz homenagem à Flauzinha
e diz que antes chamava professor de "sofredor".
Depois que conheceu o trabalho de Flauzineide
tem certeza que professor é missionário
e que a mesma cumpre a missão
e desempenha suas ações com prazer.

Daluzinha Avlis encantou, contando a história do
"Viajem ao Céu em um aviãozinho de papel"

PARABÉNS, MINHA AMIGA!