terça-feira, 28 de setembro de 2010

MENSAGENS POÉTICAS DO ADEMAR MACÊDO

Trova do Dia:

Voltei a ter confiança
neste mundo tão ruim,
ao descobrir a criança
que ainda habitava em mim!

(Renato Alves/RJ)

******************

Trova Potiguar:

Na trova, de longe venho
e, apesar de toda a lida,
inda me falta o desenho
da trova de minha vida.

(José Lucas de Barros/RN)

*******************

Uma Trova Premiada:

1987 - São Paulo/SP
Tema - ROSA - M/H.
Pretender que o sofrimento
não cruze os nossos caminhos,
é esperar o surgimento
de uma rosa sem espinhos.

(Dorothy Jansson Moretti/SP)

*********************

Uma Poesia livre:

*********************

******************

...E Suas Trovas Ficaram:

Ando perdido a buscar-te
e busco, em vão, te esquecer.
Tenho medo de alcançar-te,
por medo de te perder!

(Albano Lopes de Almeida/RJ)

******************

Estrofe do Dia:

Poeta canta o que pensa
das coisas de um casarão,
onde a sombra do oitão
chega sem pedir licença;
o queijo feito na prensa
riquíssimo de proteína,
a tocha da lamparina
triste no canta da mesa
-Não há quem negue a beleza
da poesia nordestina.

(Pedro Ernesto Filho/CE)

*****************

Soneto do Dia:

MENTIR... EU SEI.
– Miguel Russowsky/SC –

A mentir me ensinou a poesia
por uma estrada torta... mas singela.
E meu talento, aproveitando dela,
lhe põe roupas douradas de magia.

E uma esperança, em linha paralela,
dá-lhe mil ilusões por companhia.
E as duas hoje estão em harmonia
teimando em me dizer: - A vida é bela!

Minha imaginação tem vôos altos...
Consinto... pois nem há quem os restrinja
e costumo mentir sem sobresaltos

Ardilososo, em silêncio e sem alarde,
mesmo que a primavera não me atinja,
sei sonhar, sei mentir. Eis o meu charme.