terça-feira, 2 de novembro de 2010

UJS REALIZOU COM SUCESSO A 3ª EDIÇÃO DO TROCANDO EM MIÚDOS /DEBATES

No último sábado, 30, a União da Juventude Socialista realizou sua 3ª edição do Trocando em Miúdos - debate mensal sobre temas relevantes na sociedade. Com a presença do professor da UFRN, Homero Costa, os participantes assistiram, além da palestra, a um vídeo que conta os principais momentos e os motivos que levaram à Insurreição de 35.


Declarando-se marxista, o professor Homero ficou feliz de participar do evento de uma organização juvenil que defende e promove o socialismo. Segundo ele, após 35, o exército passou a estimular idéias reacionárias em suas fileiras, acusando os soldados pró-insurreição de atirarem em seus colegas pelas costas, a sangue frio. "Isso nunca existiu, foi uma forma encontrada pelo governo e forças armadas para disseminar o ódio nos quarteis contra os comunistas, fizeram uma limpeza e estimulam a mentira até hoje".


Thaíssa Câmara, diretora de formação da UJS, declarou-se animada com o progresso do Trocando em Miúdos. "Aqui já tivemos professores universitários, parlamentares e diversas lideranças sociais para assistir aos debates. Aos poucos, estabelecemos uma cultura de discussões que são difíceis de se encontrar no campo da esquerda em Natal. O índice de retorno daqueles que participam é elevado porque compreendem a importância e a qualidade dos nossos debates".


Estudante do cursinho CDF, a estudante Igara Dantas, afirmou-se entusiasmada para os próximos Trocando em Miúdos. Segundo ela, "o debate foi muito bom, permitiu o entendimento sobre o levante de 35, contextualizado com a situação do Brasil e do mundo naquele período".


George Câmara, vereador de Natal, afirmou que está preparando, para novembro, atividades na Câmara de Vereadores para homenagear a Insurreição de 35. George convidou a UJS para ajudar no evento e parabenizou a entidade por ter organizado o debate nos 75 anos de aniversário do levante comunista.

Fonte: www.ujspotiguar.com.br