quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

A VOZ POÉTICA DE ANSELMO PAMPLONA - NATAL/RN


MAS...

SE ME DEIXAREM BEM A VONTADE...

FICAREI NU...
FALAREI BOBAGENS...
SENTIREI SAUDADES DAS CORRIDAS NO CAMPUS...
DA DANÇA QUE O MEU CORPO PRODUZIU...
DOS AMORES QUE ACREDITEI TER...
DOS AMORES QUE DE FATO TIVE...
E ENFIM, DOS TEUS OLHOS QUE AO MEU LADO HOJE VIVE!