quarta-feira, 11 de julho de 2012

BREVE BIOGRAFIA DO POETA REPENTISTA MANOEL MACEDO XAVIER - IN MEMORIA

MACEDO E O NORDESTE - marcou época na poesia popular do RN. O seu nome ombreava-se aos de maior préstigio; Hercilio Pinheiro, Josué da Cruz, Francisco Batista, Inácio Leite, Manoel Calixto, Domingos Cardoso e seu filho José Cardoso, os irmãos Batista: Dimas, Lourival e Otacilio, José Milanez, Daniel Ribeiro, Alipío Tavares, Canelinha, José Alves Sobrinho, Chagas Ramalho, etc.
Manoel Macedo, nasceu em São Tomé, municipio da Ribeira do Potengi, em 1920. Naceu poeta, mas so desenvolveu as suas aptidões a partir dos 12 anos de idade. Aos 20 anos, andarilhava pelos sertões, como verdadeiro beduíno das caatingas, levando cultura popular ao povo do interior, em forma de rima.
A Associação Estadual de Poetas Populares - AEPP/RN, outorgou-lhe os de diplomas de:

POETA HONORIS CAUSA E CAVALHEIRO MAIOR DA ORDEM DOS MENESTRÉIS.

O poeta já não está mais entre nós. Voltou a casa do pai.

DISSE MACEDO, em uma de suas glosas.


FUI CANTADOR VIOLEIRO
NÃS TERRAS DO MEU SERTÃO
MAS DEIXEI A PROFISSÃO
EM GOIÁS FUI ASSOGUEIRO
EU TRABALHO O DIA INTEIRO
COM MINHA FACA AMOLADA
MAS DA PROFISSÃO PASSADA
UMA COISA ME CONSOLA
AINDA TENHO A VIOLA
COMO RELIQUIA SAGRADA.