segunda-feira, 12 de agosto de 2013

JORNALISTA ANGELA BEZERRA - DEFENDE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO SOBRE A MINA BREJUI

Olá GERALDA EFIGÊNIA MACEDO DA SILVA, Uma Banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada conforme as informações abaixo:
DISCENTE: ÂNGELA MARIA BEZERRA
DATA: 19/08/2013
HORA: 15:00
LOCAL: A ser definido
TÍTULO:

A Céu Aberto
Garimpando a memória e a identidade dos mineradores de Brejuí 

PALAVRAS-CHAVES: Mineração; Memória; Identidade.

PÁGINAS: 40
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Antropologia
SUBÁREA: Antropologia Rural
RESUMO:
O trabalho tem como foco a exploração mineral surgida no início da década de 1940 na cidade de Currais Novos, no Seridó potiguar, e as transformações ocorridas na economia da região depois do fim da exploração da scheelita, na década de 1980. Iremos analisar os elementos de uma identidade mineira reivindicada ao longo das quatro décadas (de 1943 a 1988) em que durou o período áureo da mineração e os seus símbolos: os monumentos construídos na cidade, a Mina Brejuí que passou a funcionar como “Parque Temático”, o museu, e o memorial em referência ao seu fundador, Tomaz Salustino, são representativos desta identidade. Será também registrada a memória dos primeiros garimpeiros, em sua maioria, agricultores atraídos pelo canto da bateia pois não há registros no Museu nem no Memorial Tomaz Salustino sobre os primeiros garimpeiros, nem sobre o sistema de exploração do minério em seu início, na região. Há poucos regitros à respeito desse período da história da mina e dos trabalhadores, pois estão na lembrança dos mas velhos.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1215344 - JULIE ANTOINETTE CAVIGNAC
Interno - 1520917 - EDMUNDO MARCELO MENDES PEREIRA
Externo ao Programa - 347264 - BRASILIA CARLOS FERREIRA
SIGAA-UFRN